Eventos

Sp. Braga revalida título distrital de Sub18

Pelo 3º ano consecutivo, Sp. Braga e ATC disputaram o título distrital de sub18 masculinos. Na edição de 2013/2014, a ATC conquistaria o seu 1º titulo distrital. Na época passada seria a vez dos bracarenses conquistarem o troféu. Em ambas as finais foi necessário recorrer-se "à negra" para encontrar o campeão.

Com este historal em pano de fundo, era aguardado com bastante expectativa esta final, esperada, entre Sp. Braga e ATC. E diga-se que as duas equipas justificaram essa expectativa. Desta vez não foi necessário 3º jogo mas em ambos os encontros foi necessário esperar pelos últimos segundos para se saber quem seria o vencedor.

Foi assim no 1º jogo, com o Sp. Braga a vencer por 62-56 após prolongamento. E foi assim também no 2º jogo, com os bracarenses e vencerem por 44-46 através da linha de lance livre, nos últimos segundos do encontro, quando tudo parecia que seria a formação de Joane a conquistar a vitória.

Com esta conquista, o Sp. Braga irá lutar pela presença no Campeonato Nacional, através da Fase de Qualificação que decorrerá no mês de Janeiro, juntamente com os representantes de Viana do Castelo e Bragança.

 

Ler mais ...

Câmara de V.N. Famalicão apoia inscrições de atletas

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão deu, esta sexta-feira, um gigantesco passo na democratização do desporto no concelho, ao celebrar protocolos com 25 associações desportivas do país para o pagamento das inscrições e seguros de jovens atletas, em escalões de formação. “Com esta medida estamos a dar um sinal claro às associações, às famílias e aos atletas famalicenses de que a autarquia apoia o desporto, em toda a sua diversidade”, explicou o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha. “Acima de tudo, queremos criar condições para que todos os jovens famalicenses tenham acesso ao desporto, qualquer que seja a modalidade escolhida”, acrescentou.

Refira-se que desde 2003, que a autarquia famalicense apoia a formação desportiva de cerca de 2500 jovens, por ano, através do pagamento relativo aos seguros e às inscrições nos escalões de formação na Associação de Futebol de Braga, num investimento anual superior a 90 mil euros. A partir de agora, a medida é alargada a todos os desportos com formação, abrangendo um total de mais meia centena de modalidades.

“Trata-se de uma questão de justiça social e desportiva”, realçou ainda Paulo Cunha, afirmando que a autarquia apoiará sempre a escolha dos jovens. “Hoje, foram 25 protocolos mas se amanhã surgir uma nova modalidade estamos cá para a apoiar”, salientou sem, no entanto, querer assumir pioneirismos com esta medida. “Não sei se somos ou não a única autarquia do país a conceder este apoio com esta abrangência, mas o importante não é isso, o importante é incentivarmos cada vez mais jovens a praticarem desporto e a fazerem o que gostam”.

No caso do Xadrez, Vila Nova de Famalicão é mesmo a única autarquia do país a conceder este apoio. De acordo com o presidente da Federação Portuguesa de Xadrez, Dominic Cross, “esta é uma forma muito interessante e única de apoiar e incentivar o xadrez, num concelho que tem dado ao país muitos campeões”.

Por sua vez, o presidente da Associação de Natação do Norte de Portugal, Aníbal Pires, considerou o apoio da autarquia famalicense “muito importante”. “Nesta altura, se não houver o apoio das autarquias, as dificuldades são maiores”, referiu.

No total, serão beneficiados cerca de 5 mil atletas, do atletismo ao ciclismo, do rugby ao hóquei, do andebol ao xadrez, das artes marciais ao ténis. A medida envolve um investimento estimado de 150 mil euros.

Paulo Cunha lembrou ainda que para além deste apoio, a autarquia financia todos os anos os exames médicos obrigatórios a todos os jovens atletas.

Ler mais ...
Assinar este feed RSS

Log in